Cotidiano

Não fui pra facul, hoje foi dia a colação do pessoal que se formou no meio do ano e meu professor foi convidado… Foi bom porque eu tô tão cansadinha hoje… Depois que voltei do serviço fiquei um tempo ouvindo música no quarto e depois fui pra casa do meu namorado… Pra dar uma idéia de como eu ando acabada, a gente deitou em um colchão na sala pra assistir Globo Repórter mas nem vi nada, capotei!!! Ele nem teve coragem de me chamar e quando acordei o programa já tinha até acabado… Que feio!

Cotidiano

Ontem eu nem vim pra facul… quase ninguém vinha, e eu não tava com ânimo pra empreender uma viagem de Indaiatuba até aqui, gastar com combustível e pedágio, pra praticamente não ter aula nenhuma… Fui comer no McDonald’s com minha irmã depois a gente deu umas voltas pelo Shopping. Tava tão cansada que passei o resto da noite trancada no quarto só ouvindo música… pra mim não tem terapia melhor!!! Nossa! Terminei de ler Os Anjos de Badaró, um livro do Mário Prata que ganhei do meu namorado… Tudo bem, tudo bem eu confesso: chegou no final do livro eu não entendi mais nada!!! Buááááááá!!! Mas eu sou teimosa e não desisto, vou ler de novo até entender!!!

Cotidiano

Segunda-feira… dia de preguiça… Nossa! Eu tô meio baqueadona por causa da minha maninha… ela terminou o namoro e tá passando por um período meio nublado… tá tão tristinha, sofrendo tanto… Eu fico super triste por ela, mas não posso fazer muita coisa, né? Bem ou mal é uma fase que ela vai ter que superar sozinha, eu dou todo meu apoio, claro, vou estar sempre ao lado dela pro que der e vier, mas ela vai ter que resolver a dor do coraçãozinho dela sozinha… É entre ela e o coração dela, mais ninguém vai poder fazer nada… Mas ela sofre tanto, minha maninha, dá uma dor no coração…

Palavras garimpadas

Essa eu recebi por e-mail de uma amiga da facul…

A vida…

“A vida são deveres que nós trouxemos pra fazer em casa.
Quando se vê já são seis horas!
Quando se vê, já é sexta-feira…
Quando se vê, já terminou o ano…
Quando se vê, passaram-se 50 anos!
Agora, é tarde demais
para ser reprovado…
Se me fosse dada, um dia,
outra oportunidade,
eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente
e iria jogando, pelo caminho,
a casca dourada
e inútil das horas…

Dessa forma eu digo, não deixe
de fazer algo que gosta devido
a falta de tempo, a única falta
que terá, será desse tempo que
infelizmente não voltará mais.”

(Mário Quintana)

Cotidiano

Hoje eu fui almoçar lá na Aparecidinha, nossa, tava mó bom! A gente paga $5 e come a vontade, e gulosa do jeito que eu sou peguei TUDO!!! Quer dizer, de tudo um pouco… Depois, voltei pra casa tão pesada que capotei… putz, dormi a tarde inteira… só acordei por volta das 6h da tarde, só pra tomar banho e… jantar!!!

Bom, pra variar hoje eu tô meio cansadinha de novo… Apesar de ter ido dormir um pouco tarde na sexta e de hoje (ou melhor, pelo horário já foi ontem….) ter sido feriado, tive que acordar um pouco mais cedo pra levar meu pai lá no Carlos Aldrovandi e depois pra Salto… Nossa, que calor! Dirigir com aquele solzão é terrível, o braço arde, os olhos ardem…

À tarde fui à locadora com a minha irmã, a gente aproveitou que meu namorado ainda não levou o vídeo embora e assistiu Os Garotos da Minha Vida…. Eu até curti o filme, a única coisa é que quando acabou eu fiquei com a sensação de que ainda tava faltando alguma coisa, é como se mesmo com mais de 2 horas de filme ainda fosse curto…

Tá rolando as comemorações da festa de N. S. Aparecida e hoje à noite fui com minha família lá comer alguma coisa… Tudo básico e “super saudável”: pastel, churrasco, refrigerante, sorvete… Mas tava gostoso, depois da reforma ficou bem legal a capela… e principalmente o pátio onde tava rolando a quermesse porque a temperatura tava super agradável, bem fresquinho, brisa leve… Amanhã eu vou lá, ajudar como garçonete no tradicional almoço de N.S.A….