Arquivos

Categoria: Palavras garimpadas

Palavras Garimpadas #35

Pergunto-me se eu nunca o tivesse encontrado, o que teria pensado em todos os momentos em que pensei nele. Minha cabeça ficaria vazia de pensamentos? Seria parecido com dormir? Ou outros pensamentos teriam entrado lá? Onde estão esses pensamentos agora, e sobre o que eles seriam? Tigre, Tigre – Simon Van Booy

03/09/2016 | Palavras garimpadas | Comentários (0)

***

Palavras Garimpadas #34

Na verdade, os anos não significam nada. É o que há dentro deles. O Amor Começa no Inverno – Simon Van Booy

07/08/2016 | Palavras garimpadas | Comentários (0)

***

Palavras Garimpadas #33

Eu e meu kabuki, eu e essas máscaras necessárias. Sou eu e o peso das coisas que carrego, mesmo não precisando mais delas, mesmo não acreditando mais nelas. Sou eu e todos os portais que cruzei, as certezas derretidas, os encontros aos quais faltei. Minúsculos Assassinatos e Alguns Copos de Leite – Fal Azevedo

03/07/2016 | Palavras garimpadas | Comentários (0)

***

Palavras Garimpadas #32

Imagino que seja uma noção comum, essa, a de que já estamos tão avariados que a própria avaria, em sua totalidade, acaba nos deixando mais seguros. Precisamos falar sobre o Kevin – Lionel Shriver

04/06/2016 | Palavras garimpadas | Comentários (0)

***

Palavras Garimpadas #31

A melancolia, creio, é uma espécie de imprecisão de fundo, uma cláusula a escapar, uma sufocante falta de foco. A Lebre com Olhos de Âmbar – Edmund de Waal

03/05/2016 | Palavras garimpadas | Comentários (0)

***