Arquivos

Categoria: Desabafos, Devaneios e Divagações

Errante

Em que parte do caminho eu me perdi de mim? Sinto-me errante de meus próprios anseios. Perdi minhas referências no momento em que deveria tomar decisões importantes, senti abalados os meus alicerces e não encontrei apoio. Sigo vagando ao acaso. Dias difíceis por aqui. A inquietação e a insatisfação com a vida profissional, as frustrações […]

16/02/2011 | Desabafos, Devaneios e Divagações | Comentários (9)

***

Um tempo

Preciso de um tempo, uma pausa, uma licença, umas férias. Férias do turbilhão de pensamentos emaranhados que não me deixam dormir. Férias de gente, da obrigação social de dizer ‘bom dia’, dos sapos engolidos que insistem em permanecer atolados no estômago. Férias das máquinas, do ar condicionado, dos telefones, da caixa de entrada de e-mails, […]

07/02/2011 | Desabafos, Devaneios e Divagações | Comentários (2)

***

Fevereiro

Junto com o segundo mês do ano, uma notícia que não deveria incomodar, uma antiga foto em sépia e um frêmito de apreensão. Não quero abrir os olhos, não quero ouvir. Preciso falar, no entanto me calo. Engulo as palavras antes mesmo de saber quais seriam elas e as mantenho entaladas na boca do estômago. […]

01/02/2011 | Desabafos, Devaneios e Divagações | Comentários (0)

***

Janela

Da minha mesa, no trabalho, eu só posso enxergar uma janela. Parte dela, na verdade. A única a qual meus olhos têm acesso durante todo o tempo em que permaneço sentada ali. Uma janela de vidros azuis que não me permitem saber se o dia está ensolarado ou nublado. Uma janela que meu olhar pega […]

19/02/2010 | Desabafos, Devaneios e Divagações | Comentários (14)

***

Trying to breath

Você percebe que alguma coisa não vai bem quando respirar deixa de ser um ato involuntário. De repente você percebe que precisa se lembrar disso o tempo todo, se policiar para não sufocar e perder a consciência no meio de alguma tarefa banal como atender o telefone ou digitar um relatório. Por você entenda eu, […]

11/01/2010 | Desabafos, Devaneios e Divagações, Estudo e Trabalho | Comentários (8)

***