Livros

Livro: The Silver Wolf, de Alice Borchardt

Capa: The Silver Wolf, de Alice Borchardt Eu sei que não é um critério de escolha muito “nobre”, tampouco é um recomendação válida, mas a verdade é que fiquei super curiosa a respeito desta trilogia – Legends of the Wolves – quando soube que a autora, Alice Borchardt, era irmã de Anne Rice.

Infelizmente os livros dela não foram editados no Brasil (alguém sabe dizer se foram em Portugal?), mas encontrei a trilogia disponível na versão Kindle, em inglês. A princípio fiquei em dúvida, como não conhecia o estilo da escritora tinha medo de encontrar uma linguagem difícil e rebuscada que eu não conseguisse ler – entenda, todos os livros de literatura em inglês que eu havia lido até aquele momento eram aventuras infanto-juvenis com uma linguagem bem acessível. Mas, sabe como é, a curiosidade foi maior. :P

Tive mesmo um pouco de dificuldade. O texto de Alice Borchardt é trabalhado, detalhista, composto por parágrafos longos e muitas palavras ainda desconhecidas para mim. O rendimento foi lento e cansativo… mas valeu a pena.

The Silver Wolf conta a história de Regeane, uma jovem bonita e um pouco ingênua, órfã de pai e mãe, aparentada por parte desta última com o imperador Carlos Magno – um laço de parentesco que acaba por convertê-la em um peão involuntário na luta pelo poder político. Mas ela também carrega no sangue uma herança de seu pai: força e agilidade sobrenaturais, instintos antigos e sentidos aguçados. Regeane é uma mutante, pode transformar-se em uma grande loba prateada. Comprometida, a mando de Carlos Magno, com um Senhor Bárbaro, um arranjo político que visa assegurar as alianças e as fronteiras do império, Regeane está rodeada de inimigos e sob a guarda de um tio depravado, bêbado e sem escrúpulos que não hesitará em em entregá-la à Igreja – e à fogueira – se ela não o ajudar em seus planos.

O romance é ambientado na Roma Antiga, já em sua fase de decadência, uma cidade outrora grandiosa que agora se afunda em sua própria lama. O aspecto que mais me chamou a atenção no livro é a habilidade com que a autora recriou este mundo de paixões, violência e traições, mesclando elementos fantásticos a fatos históricos com tamanha riqueza de detalhes, sempre situando os acontecimentos na política e na religião da época.

Não é um livro para quem espera muitas cenas de ação, mas há de interessar muito àqueles que gostam de uma narrativa introspectiva, com um estilo mais lírico, voltada para o confronto mulher versus loba em um processo de autoconhecimento e aceitação.

Silver Wolf, The

Borchardt, Alice

  • Série: Legends of the Wolves #1
  • Editora: Ballantine Books, versão Kindle
  • Categorias: Literatura Estrangeira, Fantasia
  • Avaliação: ★★★½☆

Anúncios

Comentários (2)

  • Poli

    Pessoa corajosa! Rs Não é qualquer um q topa a leitura de um texto no original, sem tradução! Rsrs Parabéns! No começo é bem cansativo, vc leva o mesmo tempo q vc leria um livro inteiro em português só para ler dois ou três capítulos. Mas vale a pena! Textos originais são muito melhores, e logo logo vc já estará com tanta prática q a leitura vai ser super fácil, vc vai ver…
    Se vc quiser umas leituras mais fáceis para treinar, tente a série Twilight (eu tenho a coleção completa, td no original) e os romances de mulhersinha (aqueles de banca de revista, tipo Julia, Sabrina, Sissi…). Vc consegue achar fácil na net e mesmo q não tenham um enredo surpreendente ou sejam lá obras primas da literatura, pelo menos são legais de serem lidos e ajudam a praticar a língua.

    ps.: vc sabe o q loba no latim é a palavra usada para prostituta? A gente pode encarar a história de Romolo e Remo de outra forma sabendo disso… Duvido q essa tenha sido a intenção da autora, mas quando li a sua resenha, lembrei disso na hora… rsrs Ter um ano de massacrantes aulas de latim na faculdade serviram para alguma coisa… kkkk

    23/09/2010 - 16:57

    Responder

    • Oi Poli!

      Estou mesmo gostando da experiência de ler os textos no original e já estou até pegando um pouco mais de prática, tomando coragem de encarar livros mais complicados… às vezes até me esqueço de que estou lendo em inglês!

      Obrigada pelas dicas de leitura, mas a série Twilight eu já li toda, em português mesmo e, sinceramente, não fez minha cabeça, assim como não fazem os romances desse estilo… acho que prefiro ler mais devagar, com todas as dificuldades, mas algo que me interesse mais. :)

      21/10/2010 - 23:21

      Responder

      Luma Kimura

Deixe um comentário

  • Sinta-se à vontade para dar a sua opinião, seja para concordar ou para discordar, mas, por favor, baseie-se em argumentos e não em baixaria.
  • Comentários ofensivos, escritos em letras maiúsculas ou em miguxês, com excesso de erros, palavrões ou alheios ao conteúdo do post não serão publicados.
  • Todos os comentários são responsabilidade de seus respectivos autores e não refletem, necessariamente, a opinião da autora do blog.