Livro: As Meninas, de Lygia Fagundes Telles

, , , ,

Capa: As Meninas, de Lygia Fagundes Telles Ambientado na São Paulo de 1973 e tendo como pano de fundo o Regime Militar, o livro As Meninas nos conta um pouco da história de três universitárias que convivem em um pensionato de freiras. Lorena, a sonhadora, bem nascida e alheia a assuntos políticos, vive o drama de estar apaixonada por um homem casado e guarda para ele a sua virgindade. Ana Clara, viciada em drogas e amante de um traficante, é noiva de um burguês “escamoso” e oscila entre a opção de um casamento abastado ou o paraíso artificial das drogas. Lia é militante contra o regime e luta para libertar seu namorado preso e ameaçado de exílio.

Um livro fascinante e ao mesmo tempo atordoante, tanto no tema quanto em sua construção.

A primeira coisa que salta aos olhos quando começamos a ler o livro é a técnica literária diferenciada: a autora muda da primeira para a terceira pessoa, de volta a primeira, alternando as personagens sem aviso prévio, em um ritmo, no mínimo, impactante.

Ainda não li outros livros de Lygia Fagundes Telles e não saberia dizer se este é um estilo da escritora ou do livro (alguém?). Confesso que num primeiro momento eu me senti totalmente perdida com as mudanças bruscas do foco narrativo, mas aos poucos percebi que é justamente aí que mora um dos aspectos da genialidade da obra. Os monólogos fluem como o próprio pensamento, aos borbotões, livre e sem censuras, adentramos a mente das meninas e nos ligamos a elas a tal ponto que logo fica fácil saber quem está falando.

Eu me supreendi com a habilidade com que a escritora no conduz pelos labirintos de conflitos pessoais, medos e confissões cruas de maneira tão delicada, sem nunca deixar de lado os retratos de uma época de miséria política e cultural, que nunca deixa de ser atual.

Um livro corajoso, envolvente e de personalidade, desses que ficam ecoando na cabeça ainda por muito tempo depois de lidos…

Este post também faz parte do Desafio Literário cuja tarefa para este mês era ler um livro de uma escritora brasileira. O livro reserva – A Casa das Sete Mulheres, de Letícia Wierzchowski – vai ficar para uma próxima oportunidade…

Para constar, este foi o livro que ganhei da Julianna Steffens, do blog Lost in Chick-Lit, no amigo secreto dos participantes do desafio no final do ano passado. ;)

Meninas, As

Telles, Lygia Fagundes

  • Editora: Companhia das Letras
  • Categorias: Literatura Nacional, Romance, Drama
  • Avaliação: ★★★½☆

Anúncios

Comentários (6)

  • Poli

    Eu simplesmente amo as autoras da literatura brasileira!!! E dentro de todas, uma das que eu mais gosto é a Lygia Fagundes Telles!!! Confesso q não li As meninas, mas só por falta de oportunidade de por as minhas mãos nesse livro… rsrs… Mas li Ciranda de Pedra, alguns contos e mais algumas coisas em literatura comparada, E Ciranda de Pedra virou um dos meus livros favoritos (e olha q nem sou tão fã assim de literatura brasileira… acho muito boa, mas nunca tenho paciência pra ler.. rs). O estilo literário da autora é diferente do q a gente está acostumado… Eu não lembro se no Ciranda de Pedra tem troca de foco narrativo (acho q não, pq a personagem principal é uma só, diferente do As meninas), mas a forma como as palavras fluem, como ela traz os sentimentos e pensamentos, os conflitos… Maravilhoso!!! É aquele livro q vc termina de ler e pensa: “poxa, é realmente bom!”. Boa sorte com suas leituras!!!

    28/06/2010 - 21:32

    Responder

  • Luma
    Adorei seu post e tenho este livro sempre em mente, ainda este ano leio. Beijos

    29/06/2010 - 08:54

    Responder

  • Báh eu gosto da Lygia mas nunca li As meninas, está sempre na lista, mas vai ficando, ficando, lendo a tua resenha fiquei com mais vontade ainda de ler. Ela é mesmo uma autora de primeira grandeza. Essa nova edição dos livros dela ficou um primor, amei a arte das capas.

    estrelinhas coloridas…

    29/06/2010 - 16:04

    Responder

  • Olá! Ainda não tive oportunidade ler um livro da autora. Após essa rodade do desafio literário, quero muito fazê-lo.

    Bjs

    30/06/2010 - 15:27

    Responder

  • Muito bacana tua resenha, mesmo.

    Olha, eu confesso que nunca li nenhum livro da autora, mas fiquei com muito vontade de ler esse.

    02/07/2010 - 11:22

    Responder

  • Esta também era minha escolha para o desafio, mas acabei ficando com o reserva. Ainda quero ler, mas vai ficar pra depois, rs.

    Beijos

    03/07/2010 - 21:38

    Responder

Deixe um comentário

  • Sinta-se à vontade para dar a sua opinião, seja para concordar ou para discordar, mas, por favor, baseie-se em argumentos e não em baixaria.
  • Comentários ofensivos, escritos em letras maiúsculas ou em miguxês, com excesso de erros, palavrões ou alheios ao conteúdo do post não serão publicados.
  • Todos os comentários são responsabilidade de seus respectivos autores e não refletem, necessariamente, a opinião da autora do blog.